Notícias

PEC 32/20: Mais um duro golpe no trabalhador

18/05/2021

 

Olá, como vai?!

Quero compartilhar contigo a notícia que é o pedido de suspensão da votação da PEC 32/20 que trata da reforma administrativa que vai impactar diretamente na vida dos funcionários públicos e de tantos outros trabalhadores.

Se você tem um deputado federal essa é a hora de você pedir apoio para ele. Não tenha vergonha, ligue, mande mensagem WhatsApp, fale com ele nas redes sociais, mas não deixe de falar e pressionar.

Aos poucos os trabalhadores estão perdendo seus direitos trabalhistas e suas conquistas.

Nunca essas alterações vêm para trazer mais benefícios aos trabalhadores.

Está cada dia mais difícil para os trabalhadores conquistarem algo com as entidades sindicais enfraquecidas por todas essas alterações que tiveram na legislação nos últimos anos.

Infelizmente quanto mais fazem para enfraquecer os sindicatos, mais os trabalhadores na ponta sofrem, pois não tem quem os defenda.

Muitos sindicatos não têm mais como sustentar a estrutura para atender as demandas dos trabalhadores. Os sindicatos não defendem somente os trabalhadores, mas também toda a sociedade.

Quando teve o fim do imposto sindical a mídia caiu de pau, deitou e rolou, sabe por que? Porque as grandes mídias são patrões e tinham interesses em enfraquecer os sindicatos, para negociarem diretamente com os trabalhadores sem a proteção dos sindicatos.

Com as negociações individuais os trabalhadores se expõem e só tem uma opção aceitar o que a empresa oferece ou ser demitido. Ele não pode reivindicar nada por medo de perder seu emprego. Agora os trabalhadores estão totalmente submissos aos seus empregadores.

Muito triste isso, abaixo está a nota da Centrais Sindicais veiculada pela Nova Central. Bora lutar que a guerra não está perdida e os trabalhadores precisam muito dos sindicatos para se fazerem representados. Somos fortes, não desistimos nunca!

Notícia - Centrais sindicais pedem suspensão de votações da PEC 32/20 na CC

centrais_sindicais_2_

O Fórum das Centrais Sindicais, reunido virtualmente nesta quinta-feira(13), com as presenças da CGTB, CSB, CTB, CUT, Força Sindical, Intersindical, Nova Central e UGT, aprovou o encaminhamento à Mesa Diretora e aos demais membros da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados para que suspendam as votações sobre a Proposta de Emenda Constitucional PEC 32/2020, que trata da Reforma Administrativa.

Consideram as centrais sindicais que, em função da pandemia, o momento é impróprio para votar matéria de tamanha repercussão na vida dos trabalhadores do serviço público, do próprio serviço público, bem como para toda a sociedade brasileira, dado que o objetivo exposto na PEC 32/2020 é bastante amplo e complexo, visando “transformar o estado brasileiro”.

Assim exposto, as centrais sindicais, ao propor a suspensão de votações nesse período de pandemia do coronavírus, também reivindicam mais espaços de debates e de diálogo sobre o tema, dos quais tem interesse em participar e apresentar suas contribuições.

No aguardo da compreensão e do atendimento, manifestam saudações sindicais.
Brasília, 13 de maio de 2021.



Veja outras publicações
GOIÂNIA
(62) 3251-8181 / (62) 3251-8967
Avenida Portugal, 482
Setor Oeste - CEP: 74140-020
ANÁPOLIS
(62) 3976-1491
Av. Franklin Roosevelt, Qd G-2 Lt 6
St. Nossa Senhora D Abadia - CEP: 75120-460